O AFEGANISTÃO E O TERROR

2 maio

Por volta da metade da década de 90 as informações davam conta de que a Al Qaeda havia se instalado no afegão Talibã, encontrando no caos pós-guerra civil, um ambiente seguro para treinar o grupo e recrutar neófitos nas práticas terroristas. O Afeganistão de então, era uma sombra de Estado, apresentando um grau mínimo de governabilidade e coesão política e social.

Com o término da guerra civil afegã, diversas milícias se digladiaram para apoderarem-se do Estado falido que emergira.

A partir da retirada das tropas da União Soviética os afegãos iniciaram guerras tribais pelo que havia sobrado do país. Eventualmente o grupo fundamentalista islâmico Talibã (que fora formado em 1994), cerca de cinco anos depois do fim do embate com a União Soviética tomou a capital afegã Cabul no ano de 1996. Foi questão de tempo para que o restante do país caísse nas mãos do Talibã. A única exceção foi um conjunto de pequenas faixas do território do país que desde então se tornaram o refúgio de grupos como a Aliança do Norte[1].

Ainda no ano de 1996, Osama Bin Laden e a Al Qaeda se instalaram no Afeganistão sendo beneficiados com o tempo pelo apoio do Talibã. Foi no Afeganistão que a organização teve início ainda nos anos 80 em meio à dominação soviética e agora seria no Afeganistão que a Al Qaeda iria alcançar o ápice de sua força letal e consolidar sua posição ideológica extremada.

O advento do Talibã a princípio foi visto com bons olhos pela comunidade internacional, que pensava ser essa a chance de se dar ao país certo grau de estabilidade. Porém o fundamentalismo religioso do grupo e os abusos que ferem os Direitos Humanos ocidentais, logo minaram qualquer tipo de empatia pela causa da milícia.


[1] WIKIPÉDIA A ENCICLOPÉDIA LIVRE. Regime Taliban e a Frente Unida. Disponível em: <http://pt.wikipedia.org/wiki/Hist%C3%B3ria_do_Afeganist%C3%A3o#Regime_Taliban_e_a_Frente_Unida&gt;. Acesso em: 04 nov. 2011.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: